10.8.17

Why Did I Go Mad?

Por centenas de anos, a psiquiatria trata sintomas como ouvir vozes e a visão de alucinações como inimigos – relegando-os como insanidade ou loucura, ao considerá-los aspectos que deveriam ser abolidos ou mesmo temidos. Atualmente, novas perspectivas cientificas e psicológicas sobre como o cérebro funciona estão permitindo uma radical mudança acerca do que tais experiencias significam – e sobre como deveriam ser tratadas.

“Horizon” acompanha três pessoas que ouvem vozes e que apresentam sintomas de alucinação e paranoia, afim de explorar o que causa tal tipo de fenômeno, nos provindo de uma visão privilegiada sobre estas experiencias. Eles nos revelam suas práticas diárias partindo de suas manifestações, examinando o impacto social, biológico e as influencias ambientais, em condições normalmente associadas com a insanidade, quais a esquizofrenia e a psicose.

Durante o filme, acompanhamos como novas formas de entender o cérebro estão conduzindo uma dramática mudança nos tratamentos e nas aproximações terapêuticas.

Atacar as causas fundamentais pode levar a recuperação? E acima de tudo, visando descobrir as razões de os terem acometido – e se pode acontecer com você.











14.5.17

I'm Broken Inside: Sara's Story

Sara Green foi uma adolescente engodada pelo sistema de saúde mental designado para ajudá-la.

Utilizando das próprias palavras de Sara – extraídas de seu diário –, o BBC Panorama revela as falhas da clínica Priory, onde ela estava impaciente. Ambiente no qual ela cometeu suicídio em sua tentativa mal calculada de pedido de ajuda.

Peter Marshall questiona quais lições podem ser extraídas da história de Sara Green e sobre o que pode ser feito para recuperar o disfuncional sistema de saúde mental de seu país.











27.3.17

My Amazing Twin

O acremente espirituoso e severamente afetado por uma desfiguração facial, o apresentador Adam Pearson, nos revela um documentário pessoal sobre lidar com problemas genéticos. Ele e seu irmão gêmeo Neil, são idênticos e ambos compartilham da mesma doença, Neurofibromatose tipo 1 (NF1) – ainda que sejam completamente diferentes.

O rosto de Adam é coberto por tumores, enquanto que Neil não apresenta nenhum. Neil tem perda de memória recente, ao ponto que Adam, não.

Como a mesma doença genética pode afetar gêmeos idênticos de forma tão dispare?

Adam está despontando como um bem sucedido profissional audiovisual, enquanto se depara com o crescimento descontrolado dos tumores que afetam sua face – que eventualmente podem ocasionar sua perda de visão. Por vários anos, todos pensavam que seu irmão Neil, não apresentava sintoma algum, mas hoje sua vida é governada por crises epilépticas e por uma misteriosa perda de memória – surgida subitamente em sua adolescência.

Determinado a preservar o seu futuro, Adam tenta descobrir as razões da doença os afetar tão distintamente e verificar se há algo que ele possa fazer para evitar que a mesma destrua suas vidas.










10.2.17

The Lost Tribes of Humanity

A anatomista Alice Roberts explora as últimas descobertas no estudo da origem humana, revelando as transformações que estão emergindo deste campo pela genética.

A paleoantropologia tradicional, baseada em fósseis, está sendo transformada por técnicas avançadas de sequenciamento genômico. Nós agora sabemos que houveram ao menos 4 outras formas distintas de espécies humanas ao mesmo tempo, convivendo conosco. Algumas delas identificadas por amostras preservadas de DNA, extraídas de ossos de 50 mil anos atrás e outras suscitadas por sessões arcaicas do DNA, ocultas em nosso genoma.

Ainda descobrimos que nossos ancestrais se encontraram e interagiram com estas outras espécies pelo mundo, nos correlacionando até hoje.

Alice usa tais revelações para atualizar nossa concepção da genealogia humana.
















6.1.17

My Baby, Psychosis and Me

Um documentário íntimo, que revela a assustadora jornada de duas mães.

Para ambas, o parto desengatilhou a psicose-pós parto – uma das mais severas formas de doença mental. Doença que a maioria das pessoas nunca ouviu falar, mas cerca de 1 em 500 nascimentos podem resultar na instalação de um súbito episódio psicótico.

As novas mães acometidas, são oprimidas pelas grandes variações de humor, pensamentos anômalos, paranoia e delírios – tal qual se acreditassem ter dado à luz à Jesus ou ao demônio.

É a história não contada sobre o que significa enfrentar esta terrível condição. Filmada por mais de 6 meses, seguimos de perto a intensa experiência de duas mulheres, Jenny e Hannah e suas famílias.

Por detrás das portas da ala psiquiátrica, Dr. Alain Gregoire e seu time de especialistas oferecem o tratamento de que carecem – mediante ao continuo suporte da ala infantil, é possível para mães e aos seus bebes permanecerem juntos, ao invés de enfrentarem uma danosa separação.

Trata-se da forma mais severa de doença mental com que os psiquiatras se deparam, mas com a medicação certa e com o apoio psicológico adequado, a maioria das mulheres estão aptas ao retorno de suas casas, dentro de 6 semanas. Da cama para a enfermaria, da sala de procedimentos para a cadeira do psiquiatra – nós assistimos aos momentos mais pessoais da maternidade e da doença mental, acompanhando Jenny e Hannah, enquanto Dr. Gregoire e sua equipe se deparam com um dos casos mais desafiadores que eles já vivenciaram.

No entanto, em um ponto Jenny e Hannah são afortunadas, ambas têm o acesso clínico de que precisam. Com um pequeno número de psiquiatras especializados à disposição, uma loteria baseada na distribuição regional de médicos se instaura e ela irá determinar se as mulheres terão a ajuda especializada de que urgentemente necessitam – mais de 80% no Reino Unido, não obtêm.











Creative Commons License